Welcome to Blog umbreveolhar

O meu objectivo, é escrever breves textos, sobre os assuntos que eu considere de interesse nos mais diversos âmbitos, e que prendam a atenção do seu olhar!
Segunda-feira, 20 de Abril de 2009
Sonhar

 

Fui até ao mar...

Tomei um banho de Lua

O luar é meu amigo

Ousei sonhar!...

Dentro de uma conchinha madrepérola

Meu amor eu fui guardar.

A conchinha caíu-me na água

Mergulhei para a ir buscar,

Mas o amor que estava dentro,

Escapuliu-se e ficou no mar.

Dois golfinhos que passavam

Então levaram o meu amor

Para Além do Mar

Onde os golfinhos vão nadar.

Fiquei na praia a sonhar,

Porque o meu amor

Nunca desisti de o encontrar...

 



publicado por umbreveolhar às 20:23
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

22 comentários:
De rosafogo a 20 de Abril de 2009 às 22:22
Estava a rosa a murchar
Tinha as pétalas caídas
Mas ao aqui chegar
Ficaram vivas, renascidas


Deste poema saio a sonhar
É sempre bom falar de Amor
Não desistas de o encontrar
Junto ao mar, ao Sol-pôr.

Com amizade deixo-te estas quadras expontãneas, pois gostei muito do teu poema

Boa semana, um abraço


De umbreveolhar a 20 de Abril de 2009 às 23:32
Olá minha amiga,
Isto é que é um comentário! Improvisas logo um poema, o qual gostei e agradeço.
Também agradeço a tua generosidade, sobre a apreciação positiva, sobre o poema que escrevi.
Volta sempre e cumprimentos,
Carlos Alberto Borges


De MIGUXA a 21 de Abril de 2009 às 00:02
Olá Carlos Alberto,

O sonho faz-nos suspirar e o Amor faz-nos sonhar...

Gostei muito dos teus versos.

Xi-kor
Margarida


De umbreveolhar a 21 de Abril de 2009 às 06:23
Olá Margarida,
Palavras tão bonitas e generosas de apreço ao meu poema. Obrigado, minha amiga.
Cumprimentos,
Carlos Alberto Borges


De Jorge Soares a 21 de Abril de 2009 às 00:35
Que bonito

Adorei.

Abraço
Jorge


De umbreveolhar a 21 de Abril de 2009 às 06:29
Olá amigo Jorge,
Agradeço as tuas palavras de apreciação positiva ao meu poema.
Estou em boa onda para a poesia e nesse sentido aproveito essa intuição.
Um grade abraço e volta sempre,
Carlos Alberto Borges


De Virginiana a 21 de Abril de 2009 às 01:02
Lindo! Gostei...
Estás numa fase óptima de poesia...os meus parabens!

Beijos
a amiga

Teresa


De umbreveolhar a 21 de Abril de 2009 às 06:33
Olá minha amiga Teresa,
Obrigado pelo comentário, sempre gentil e que é bem vindo.
Estou de facto em boa onda para a poesia e nesse sentido aproveito essa circunstância.
Fico satisfeito por teres gostado do meu poema.
Cumprimentos do amigo,
Carlos Alberto Borges


De Paola a 21 de Abril de 2009 às 11:42
"Fiquei na praia a sonhar,
Porque o meu amor
Nunca desisti de o encontrar..." ....

Corre! Apanha-o! E escrever, também não é uma forma de amor? Tantos rostos que ele tem...

Escreve, amigo.

Beijinhos.




De umbreveolhar a 21 de Abril de 2009 às 21:39
Olá minha boa amiga,
Realmente o amor tem muitos rostos e escrever também é uma forma de transmitir o que nos vai no pensamento.
Na poesia pudemos dar largas à nossa imaginação e sonhar de todas as formas...
Espero continuar a escrever, sempre que a inspiração me surja.
Agradeço o teu comentário e presumo que tenhas gostado.
Cumprimentos e volta sempre,
Carlos Alberto Borges


De Fisga a 21 de Abril de 2009 às 15:41
Olá migo Carlos Alberto. Olha amigo, dizem os entendidos que a prosa poética é mais difícil que a poesia nua e crua. mas o que eu sei é que adorei o teu poema está maravilhoso. Eu adicionei-o aos meus favoritos. Parabéns um grande abraço. Eduardo.


De umbreveolhar a 21 de Abril de 2009 às 21:45
Amigo Eduardo,
Fico muito satisfeito por teres gostado deste meu poema e também por o adicionares aos teus favoritos.
Obrigado pelo comentário, onde em cada palavra se nota a tua amizade e eu com tanto prazer retribuo.
Um grande abraço,
Carlos Alberto Borges


De Fisga a 22 de Abril de 2009 às 18:41
Olá amigo Carlos Alberto. Quando as pessoas se entendem tudo corre bem e tudo parece mais perfeito. mas acredita que não foi com ideia de te dar graxa, como se diz no calão de fábrica. Um grande abraço Deste amigo Eduardo.


De umbreveolhar a 22 de Abril de 2009 às 21:01
Olá amigo Eduardo,
Embora sendo através da blogosfera que nos conhecemos, dá para entender quando as pessoas são honestas, e é assim que te considero, meu amigo Eduardo.
Recebe Um grande abraço,
Carlos Alberto Borges


De Fisga a 23 de Abril de 2009 às 21:39
Obrigado meu amiga Carlos Alberto por seres assim eu também faço por merecer, mas nem sempre se consegue. além do mais cada pessoa é uma pessoa e Deus também não conseguiu agradar a toda a gente. Abraço Eduardo.


De umbreveolhar a 24 de Abril de 2009 às 11:27
Olá amigo Eduardo,
Tens toda a razão no que dizes. " Deus não conseguiu agradar a toda a gente".
Mas´também há uma frase - que diz - Não podemos escolher os nossos vizinhos, mas os amigos sim! Como é o nosso caso.
Um grande abraço deste teu amigo,
Carlos Alberto Borges


De Fisga a 24 de Abril de 2009 às 11:33
Olha amigo Carlos Alberto. Eu conhecia essa Máxima, mas é de outra maneira, mas que vai dar ao mesmo. Não podemos escolher a nossa família, começando pelos pais, mas podemos escolher os amigos. Abraço Eduardo.


De umbreveolhar a 24 de Abril de 2009 às 11:55
Olá amigo Eduardo,
Essa máxima também é bem certa, mas como dizes e bem, vai dar ao mesmo.
Um grande abraço,
Carlos Alberto Borges


De TiBéu ( Isa) a 21 de Abril de 2009 às 15:45
Gosto muito do que escreves
Essa a razão de aqui estar
Volto novamente
Para assim saborear


A tua forma de escrever
É bela como a simplicidade
Fica um beijo meu
Cheio de grande saudade.


BJ hehehehehe


De umbreveolhar a 21 de Abril de 2009 às 21:52
Olá minha amiga TiBéu,
O gosto que tens ao leres aquilo que escrevo, é igual ao meu, quando tenho a honra de ler o que tão bem escreves. Muito obrigado.
Volta sempre, pois és uma amiga por quem tenho muita consideração. Pela minha parte também retribuo com prazer as tuas visitas.
Cumprimentos do amigo,
Carlos Alberto Borges


De Filipe Costa a 22 de Abril de 2009 às 23:09
Olá Carlos.
Desconhecia esta tua veia poética, mas espero que ela continue, pois gostei destes poemas apesar de o 'Queria' ser o meu preferido.
Um abraço


De umbreveolhar a 23 de Abril de 2009 às 04:50
Olá amigo Filipe,
Gostei muito das tuas palavras, assim como, tu gostaste deste meu poema " SONHAR", Pelo que agradeço honrado o teu sempre bem vindo comentário.
"Queria" pode significar exactamente que apenas estou a aproveitar uma " boa onda"de inspiração, pois não é poeta quem quer! Como é o meu caso...
Eu quero sim, dizer aquilo que penso, em prosa ou verso. Mais uma vez obrigado.
Mudando de assunto - Já disse repetidamente vezes sem conta ao nosso comum amigo Xico para combinar um almoço ou jantar, a fim de convivermos e cimentarmos mais a nossa amizade, cujo primeiro encontro pessoal muito nos agradou. Agora lanço também o repto a ti, a fim de concretizarmos essa ideia. Não te esqueças!
Um grande abraço,
Carlos Alberto Borges


Comentar post

Carlos Alberto Borges
Julho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


O meu blog e o mundo à distância de um clique

Ninguém dispensa a visita a umbreveolhar...


MusicPlaylist
MySpace Playlist at MixPod.com

PORTUGAL
subscrever feeds
links
Luso-Poemas - Poemas de amor, cartas e pensamentos
posts recentes

RECOMEÇA

QUADRA NATALICIA 2013

CHEGOU O OUTONO

CHEGOU A PRIMAVERA

Amar!

Meu Blog umbreveolhar e F...

Mar Português

Um Novo Ano com Paz!

Um BOM ANO de 2011

Natal 2010

pesquisar
 
arquivos
mais comentados
65 comentários
57 comentários
54 comentários
50 comentários
49 comentários
tags

todas as tags

favoritos

Atraiçoada eleita!

curto circuito

MUNDO

Explicação da Poesia

Mar azul - Cesária Évora ...