Welcome to Blog umbreveolhar

O meu objectivo, é escrever breves textos, sobre os assuntos que eu considere de interesse nos mais diversos âmbitos, e que prendam a atenção do seu olhar!
Sábado, 21 de Novembro de 2009
Acreditar

 

 

Quero conjugar para ti o verbo acreditar porque apesar de todas as vicissitudes da vida quero acreditar.

 

Acredito que haja um Anjo da Guarda que nos protege voando em círculo e só ele sabe de nós.

Acredito  numa Deusa de olhos cor da noite, que nos ilumina nas noites de luar

Acredito no amor verdadeiro que tem asas para voar.

Acredito em lendas, tradições e fadas que me trazem à memória a minha infância.

Acredito que vale a pena viver a vida todos os dias.

Acredito na chuva dourada que fecunda a Terra.

Acredito na flor humilde que se encosta ao muro.

Acredito no impossível e na capacidade de sonhar.

Acredito que há marcas de eternidade em cada um de nós.

Acredito que tudo é eterno num segundo.

Acredito que o Mundo não pára mesmo que as vicissitudes sejam dores de espírito.

Acredito na ocupação do Mundo pelas flores, espalhando as suas pétalas de paz.

Acredito que o Amor tem asas de ouro.

 

É acreditando, que a vida poderá ser melhor para nós, pelo que é importante  ter sempre um pensamento positivo.

 


tags:

publicado por umbreveolhar às 21:25
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

18 comentários:
De MIGUXA a 22 de Novembro de 2009 às 00:17
Carlo Alberto,

Adorei o teu "ACREDITAR" e a verdade é que acredito em tudo o que acreditas...Porque acreditar vale a pena.

Beijo amigo
Margarida


De umbreveolhar a 29 de Novembro de 2009 às 14:07
Margarida,
Fico feliz por gostares e acreditares no " meu acreditar.
è sempre com enorme prazer que leio os teus magníficos comentários, os quais agradeço.
Cumprimentos do Amigo,
Carlos Alberto Borges


De Mary Brown a 23 de Novembro de 2009 às 23:16
Eu acredito que todos temos um anjo que nos protege. Quem é o meu não sei. Mas sinto-o e é o suficiente para ter esperança. É preciso tão pouco para sermos felizes, não é?


De umbreveolhar a 29 de Novembro de 2009 às 14:11
Mary Brown ,
Sem dúvida é preciso " tão pouco para sermos felizes"! Vale a pena acreditar.
Muito me honra o teu belo comentário que registo com satisfação e agradeço.
Volta sempre e cumprimentos,
Carlos Alberto Borges


De M.Luísa Adães a 24 de Novembro de 2009 às 12:20
Gosto do teu acreditar,

Vou seguir teus passos,

Eu também procuro acreditar

No Tudo e no Nada

E alcançar o Todo.

Beijos,

Maria Luísa


De umbreveolhar a 29 de Novembro de 2009 às 14:18
Minha Amiga Maria Luísa,
Vale a pena acreditar. A forma como abordas no teu comentário " Acreditar" já é a prova que acreditas.
Apreciei muito as tuas palavras que têm sempre muita profundidade no seu sentido!
Cumprimenntos do Amigo,
Carlos Alberto Borges


De M.Luísa Adães a 29 de Novembro de 2009 às 15:12
carlos

Gostei muito do teu acreditar.

Agradeço me responderes.

Com amizade,

Mª. Luísa


De umbreveolhar a 29 de Novembro de 2009 às 21:01
Amiga Maria L. Adães,
Naturalmente que fico honrado com as tuas palavras, mas responder ao teu comentário, não só é um dever como um grande prazer que tenho nisso.
Comigo na blogosfera, jamais abdicarei deste comportamento, no qual sou bem acompanhado por muita gente incluindo tu.
Seria óptimo que todos os blogautas tivessem esta atitude, mas como sabes, infelizmente isso nem sempre acontece...
Aceita os meus respeitosos cumprimentos e o desejo que tenhas uma semana muito feliz,
Carlos Alberto Borges


De M.Luísa Adães a 30 de Novembro de 2009 às 10:36
Carlos

como dizes :

"seria óptimo que todos os blogautas
tivessem esta atitude"

De acordo com o que dizes! Obrigada,

semana feliz para ti e que todos os teus
desejos de felicidade se concretizem.

Maria Luísa


De umbreveolhar a 1 de Dezembro de 2009 às 21:00
Maria Luísa Adães,
Estamos ambos de acordo, mas como te apercebes os factos são o que são...
Não é sempre que se tem oportunidade de ter uma Amiga na blogosfera como tu cuja a amizade está mais que comprovada.
Só tenho pena do tempo disponível não seja demais... Mas mesmo assim, é raro o poema teu que eu não veja, pois gosto imenso da tua poesia.
Cumprimentos do Amigo,
Carlos Alberto Borges


De M.Luísa Adães a 2 de Dezembro de 2009 às 10:47
carlos

Tenhas o tempo que tiveres, és sempre um
amigo muito querido.

Te encontro com agrado e te desejo o
melhor para ti e luz para a tua caminhada,
no percorrer dos lugares sem Luz.

Beijos,

Maria Luísa


De umbreveolhar a 5 de Dezembro de 2009 às 14:11
Amiga Maria L, Adães,
São tão agradáveis as tuas palavras, as quais muito me honram e caem bem no meu coração. Muito obrigado.
Pela minha parte podes também contar sempre com uma grande Amizade indiscutível.
Desejo-te um óptimo fim de semana,
Cumprimentos,
Carlos Alberto Borges


De Caminhando... a 24 de Novembro de 2009 às 22:03
Olá amigo Carlos!
E acredita que adorei este teu post!

Espeo que, mesmo no meio de toda a dor (normal!) que sentes, já te sintas um pouco melhor.

Um beijinho


De umbreveolhar a 29 de Novembro de 2009 às 14:30
Joana,
Sei que és muito sincera nas tuas apreciações. Fico feliz por teres gostado neste meu "acreditar"
Com o passar dos dias vou-me acostumando à ideia que não adianta recusar-me a aceitar tão grandes infortúnios na minha vida. Nada disto pode voltar atrás!
Agradeço por isso as tuas palavras de alento e que tanto estimo.
Cumprimentos do Amigo,
Carlos Alberto Borges


De Marta a 26 de Novembro de 2009 às 13:12
Olá Carlos,

E se todos acreditassemos mais ACREDITA que a vida era vivida de uma forma muito melhor.

Beijinhos


De umbreveolhar a 29 de Novembro de 2009 às 14:43
Olá minha Amiga Marta,
Concordo inteiramente com o teu magnífico comentário. Mais palavras para quê!
Vale a pena acreditar.
Volta sempre que possas, pois é
grande um prazer comunicar contigo.
Cumprimentos e felicidades,
Carlos Alberto Borges


De rosafogo a 29 de Novembro de 2009 às 21:50
Eu também acredito

Acredito que a Fé move montanhas
Que o Amor é a seiva da Vida
Acredito que há sempre um sonho que se concretiza.
Acredito que da sombra surgirá luz
Acredito que o Sol nascerá a cada alvorada
E é bom acreditar no que tu também acreditas
a Vida é menos penosa, para quem já leva o
caminho avançado.

Mas desejo muito que melhores dias virão para os meus descendentes.

Não é necessário, mas digo em boa hora aqui vim, minha alma saí mais leve e serena.

boa semana amigo

abraço
natalia


De umbreveolhar a 1 de Dezembro de 2009 às 20:43
Natália,
Eu sabia que tu ias acreditar!
Gostei imenso do teu comentário, como sempre sublime.
Fico também satisfeito porque segundo as tuas palavras, teres ficado com a alma mais leve e serena após a leitura do meu texto. Obrigado, minha Amiga.
Com muita consideração e amizade,
Carlos Alberto Borges


Comentar post

Carlos Alberto Borges
Julho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


O meu blog e o mundo à distância de um clique

Ninguém dispensa a visita a umbreveolhar...


MusicPlaylist
MySpace Playlist at MixPod.com

PORTUGAL
subscrever feeds
links
Luso-Poemas - Poemas de amor, cartas e pensamentos
posts recentes

RECOMEÇA

QUADRA NATALICIA 2013

CHEGOU O OUTONO

CHEGOU A PRIMAVERA

Amar!

Meu Blog umbreveolhar e F...

Mar Português

Um Novo Ano com Paz!

Um BOM ANO de 2011

Natal 2010

pesquisar
 
arquivos
mais comentados
65 comentários
57 comentários
54 comentários
50 comentários
49 comentários
tags

todas as tags

favoritos

Atraiçoada eleita!

curto circuito

MUNDO

Explicação da Poesia

Mar azul - Cesária Évora ...